Conceituando #4 – Capas de livros

Share

Olá pessoal, sou o Lucas, designer aqui na Noveland. Hoje estarei saindo um pouco do trabalho interno para fazer minha estreia como escritor de post.

“Não se deve julgar um livro pela capa”. Todos já ouvimos alguma vez na vida esse ditado popular, porém ela não é completamente verdadeira. Em um mar de livros dispostos em uma livraria ou em um site, a única coisa capaz de chamar a nossa atenção é justamente a capa do livro. É ela que fará com que escolhamos um livro em detrimento de outro para uma primeira examinação de seu conteúdo. É possível sabermos logo de início se o autor da obra é conhecido, se a obra é dividida em vários volumes, além de analisarmos por ela o teor ou o tema da narrativa: a capa de um livro infantil não será igual a de um de terror, por exemplo. Ou seja, a capa será sempre o primeiro item que iremos julgar em uma publicação, mas, obviamente, não deve ser o único.

Ok, entendi que a capa é importante. Mas como faço uma “boa capa”?

Não existem regras absolutas para se fazer uma capa que se destaque. O que farei aqui é dar algumas dicas a partir de observações dos livros que li e dos princípios da Gestalt. Não vou me aprofundar nessa teoria da psicologia, se não o post ficará muito grande, portanto para maiores detalhes clique aqui. De forma bastante resumida, nossos olhos tendem intuitivamente a agrupar elementos segundo a semelhança e proximidade entre eles.

A partir desses princípios define-se uma hierarquia para as informações que serão visualizadas nas capas, ou seja, definine-se um grau de importância de leitura para o leitor acompanhar. É sugerível deixar claro para quem está lendo o que é título, subtítulo (se houver), nome do autor e editora (se houver). Com isso em mente, faça com que esses itens estejam bem diferenciados entre si: seja por cores, tamanhos, espaçamento/posicionamento, efeitos ou fontes tipográficas.

Por fim, é recomendável fazer um acompanhamento com o ilustrador da capa (se tiver contratado um), o informando em quais áreas estarão os textos. Assim ele terá noção da área que tem para desenhar e o ajudará a integrar o desenho com o texto, dependendo da sua escolha. Vale também utilizar as imagens deste post (e outras internet a fora) como referência para as suas obras.

Espero ter conseguido ajudá-los a entender como montar uma capa que se destaque. Se tiver interesse em publicar conosco, clique aqui. Oferecemos edição para sua obra da capa à contra-capa.

You may also like...

error: Content is protected !!